Elysia entrega solução completa de energia solar para indústria gaúcha

Publicado em de de

Sistema de energia solar fotovoltaico foi finalizado pela Elysia na Eurolatte, indústria fabricante de ordenhadeiras com sede em Cachoeirinha, na Grande Porto Alegre

Referência em soluções de energia solar para a indústria, a Elysia finalizou recentemente mais um projeto fotovoltaico . Desta vez, quem recebeu a diferenciada solução completa foi a Eurolatte, fabricante de ordenhadeiras com sede em Cachoeirinha, na Grande Porto Alegre.

Localizada no Distrito Industrial do município, a empresa recebeu a instalação de 200 painéis solares monocristalinos – um tipo de módulo fotovoltaico de maior eficiência energética. As placas são responsáveis por uma produção energética que atende a 100% da demanda local. Isto é: a Eurollate acaba de atingir a sua independência energética.

Economia de R$ 115 mil em um ano

De acordo com a projeção técnica da Elysia, a fabricante terá uma economia anual superior a R$ 115 mil. Mensalmente, esse valor representa uma redução mensal de aproximadamente 90% no custo energético da Eurolatte. Trata-se, portanto, de um ganho competitivo vigoroso – além de aumentar o grau de previsibilidade orçamentária pelos próximos 25 anos, que é o tempo de durabilidade mínima de um sistema fotovoltaico.

Retorno em três anos

O tempo de retorno do investimento (ROI) do sistema da Eurollate está estimado em aproximadamente 3 anos, tempo médio projetado para indústrias de grande porte. Mas esse tempo de ROI alvissareiro tem uma explicação: o investimento foi realizado antes de janeiro de 2023. Os sistemas fotovoltaicos que entrarem em operação até esta data enquadram-se nas regras “antigas” (pré-Marco Legal), cuja cobrança tarifária é menor e, portanto, possui um ROI mais rápido.

Imune aos aumentos

Junto deste ROi atrativo, a Eurolatte também fica protegida da inflação energética. Ou seja, enquanto o sistema estiver funcionando, a empresa fica livre de futuros reajustes tarifários na conta de energia elétrica Para uma indústria de grande porte, cujo consumo de energia elétrica é alto, esse é um dos benefícios de maior relevância. Afinal, não é novidade dizer que o custo energético é uma das maiores dores de cabeça dos empresários brasileiros.

Redução (gigantesca) da pegada ecológica

Também vale enaltecer o valor sustentável do investimento realizado pela Eurolatte. A geração de uma energia 100% limpa irá reduzir de forma significativa a pegada ecológica da empresa, o que, automaticamente, contribui para a preservação ambiental. Apenas no primeiro ano, então, o sistema de energia solar vai fazer com que a indústria de Cachoeirinha deixe de emitir 85.000 kg de CO2 na atmosfera.



ISSO PODE SER INTERESSANTE TAMBÉM:

, , ,

Brasil já adicionou 2 GW de energia solar em 2024 

Continue lendo

Brasil tem capacidade de aumentar energia solar em 100 vezes, diz diretor da Petrobras 

Continue lendo

Volvo anuncia expansão significativa de sua rede de recarga rápida com a inauguração de mais 14 pontos até o final de fevereiro 

Continue lendo

Fique por dentro do case Elysia/SolarEdge no retrofit de um sistema

Continue lendo