Conta de luz - Elysia energia solar RS

Contratação de termelétricas vai deixar conta de luz mais cara

Publicado em de de

Os brasileiros pagariam R$ 20 bilhões a menos num período de 15 anos, caso a energia viesse de fontes limpas – e não de termelétricas

Conforme a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), principal entidade do setor fotovoltaico no Brasil, a contratação de usinas térmicas de gás natural ocorrida no Leilão de Reserva de Capacidade, realizado no fim de setembro, tornará a conta de luz ainda mais cara aos consumidores.

Faça agora um orçamento gratuito de energia solar para o seu imóvel

O leilão promovido pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) contratou, portanto, 754 MW de potência e atraiu R$ 4,146 bilhões em investimentos para viabilizar a construção de três usinas termelétricas a gás natural no Amazonas.

Conheça o Renda Solar, uma forma de investir e ganhar dinheiro com energia solar

Conta poderia ser mais barata com investimento em energia solar

Conforme a entidade, os brasileiros pagariam R$ 20 bilhões a menos num período de 15 anos, caso a energia viesse de fontes renováveis, como solar. A Absolar aponta que o certame é fruto de um “jabuti” inserido na Lei 14.182/2021, que viabilizou o processo de capitalização Eletrobras.

Para o presidente executivo da associação, Rodrigo Sauaia, a contratação de energia termelétrica fóssil e poluente é um contrassenso e um retrocesso para o Brasil. Ainda mais preços duas vezes maiores do que as renováveis. Para ele, trata-se de uma oportunidade perdida que onera o consumidor brasileiro e deixa de gerar até 81 mil novos empregos.



ISSO PODE SER INTERESSANTE TAMBÉM:

, , ,

Energia limpa: crescimento de 50% em 2023

Continue lendo
ons prevê nivel baixo de reservatorios

Alerta do ONS: níveis das hidrelétricas no Brasil podem chegar a 36% até julho 

Continue lendo

, ,

Recorde de demanda de energia: Sistema Interligado Nacional responde com eficiência e sustentabilidade 

Continue lendo

, , ,

Brasil já adicionou 2 GW de energia solar em 2024 

Continue lendo