“O sistema está se pagando por si mesmo”, afirma Alexandre Astolfi, morador de Novo Hamburgo

Publicado em de de

Em entrevista à Elysia, proprietário de residência no Vale dos Sinos comemora economia de mais de R$ 11 mil em dois anos – retorno do investimento será mais rápido do que estimativa inicial

Em Novo Hamburgo, os moradores de uma residência no bairro Guarani já colhem os frutos do investimento em energia solar. Projetado e instalado pela Elysia, o sistema fotovoltaico já gerou uma economia de R$ 11.500 em pouco mais de dois anos de operação. O sistema atende a 100% da demanda energética da casa – e, ao longo do período de funcionamento, já produziu 13.500 kWh. 

Faça um orçamento gratuito

Composto por 9 painéis e 1 inversor solar, o sistema protegeu os moradores de novos aumentos na conta de luz e fez com que houvesse uma queda de de mais de 8.000 kg de CO2 na atmosfera. Trata-se, portanto, de mais um sistema fotovoltaico operando com excelência, e entregando aos consumidores uma energia limpa eficiente.

Como funciona a energia solar?

O tempo de retorno do investimento, que estava estimado inicialmente em 6,2 anos, também teve uma redução. O payback, agora, está previsto para 5,8 anos – o que deve ocorrer em 2023. A tendência, no entanto, é que o retorno possa ocorrer ainda mais cedo.

Confira a entrevista com Alexandre Astolfi, proprietário da casa que recebeu a solução completa de energia solar da Elysia.

Como está o funcionamento do sistema fotovoltaico?

Nestes dois anos, o sistema não apresentou nenhuma falha, tendo funcionado ininterruptamente todos os dias. Acrescento também que os instaladores que colocaram o sistema em funcionamento foram extremamente atenciosos, com capricho nos acabamentos e deixaram tudo absolutamente limpo.

Como souberam e de onde surgiu o interesse em investir em energia solar?

Soubemos pela primeira vez há muitos anos, por meio de reportagens na imprensa. Mas, na época, os sistemas ainda eram muito caros. Posteriormente, buscamos na internet as opções de sistemas residenciais e chegamos na Elysia. Optamos pela Elysia devido às excelentes referências e ao atendimento diferenciado que recebemos da área de vendas e técnica.

O que motivou o investimento?

O principal motivo que nos levou a optar pela energia solar foi diminuir a dependência da energia fornecida pelas concessionárias e o alto custo desta energia, que a cada ano aumentava muito mais que a inflação.

O que mudou na rotina dos moradores da casa?

Nossa rotina doméstica não teve grandes mudanças. Eu diria que a principal foi a diminuição daquela preocupação em não ligar o ar-condicionado ou estar sempre com todas as luzes apagadas. Enfim, diminuiu muito a preocupação com o valor da luz no final do mês.

Já é possível sentir os impactos positivos da geração de energia solar?

Tenho o sistema funcionando já há dois anos e, na maioria dos meses, pago apenas o valor mínimo da conta de luz. O sistema está se pagando por si mesmo.



ISSO PODE SER INTERESSANTE TAMBÉM:

Energia solar em casa de eventos - Elysia sistema fotovoltaico em Canoas

,

Energia solar em casa de eventos: local de Canoas reduz em 86% gasto com energia elétrica

Continue lendo
Energia solar em apartamento - Elysia sistema fotovoltaico Porto Alegre

,

Energia solar em apartamento: imóvel do Bela Vista, em Porto Alegre, recebe sistema fotovoltaico

Continue lendo
Homologação de energia solar - Elysia sistema fotovoltaico RS

, ,

Homologação de energia solar: por que contratar uma empresa qualificada é fundamental para evitar dor de cabeça?

Continue lendo
Energia solar Porto Alegre - Elysia sistema fotovoltaico RS

,

Na zona sul de Porto Alegre, casa tem demanda de energia abastecida por luminosidade solar

Continue lendo