Sistema fotovoltaico em Esteio - Elysia energia solar residencial

Sistema fotovoltaico em Esteio: casa vai gerar a própria energia por pelo menos 25 anos

Publicado em de de

Moradores recebem sistema fotovoltaico em Esteio e terão economia anual de mais de R$ 5 mil, além da valorização significativa do imóvel

Mais uma residência de Esteio, na Grande Porto Alegre, está protegida da inflação energética. Localizada no Centro da cidade, a casa recebeu uma solução completa de energia solar da Elysia – o imóvel, agora, gera energia de forma independente, a partir da luminosidade solar, uma fonte limpa e renovável. A produção autônoma de energia protegeu os moradores de novos aumentos tarifários na energia elétrica – a chamada inflação energética.

Como funciona a energia solar? 

O sistema fotovoltaico projetado pela Elysia atende a toda demanda de consumo dos moradores. Mensalmente, o sistema tem capacidade de gerar 487 kWh. Em caso de uma geração energética que exceda o consumo, a energia não vai “fora”. Ela é deslocada para a rede e gera um crédito para os moradores, que pode ser abatida nas próximas contas de luz. 

Faça um orçamento gratuito

Projetado pela equipe de engenharia da Elysia, o sistema fotovoltaico é composto por 12 painéis solares e um inversor solar da WEG, empresa parceira em diversas instalações. A disposição dos módulos sobre o telhado da casa obedeceu rigorosamente o projeto técnico, que foi planejado com foco na maximização do desempenho.ou seja: as placas estão distribuídas de forma a receber maior quantidade de incidência solar.

Sistema fotovoltaico em Esteio: números da economia e do impacto ambiental

As projeções da equipe técnica são otimistas para os moradores. Somente no primeiro ano de funcionamento, o sistema vai resultar em uma economia de aproximadamente  R$ 5,2 mil. Mensalmente, o valor equivale a uma redução de quase 70%. A previsão é de que o retorno do investimento ocorra em cerca de 4,5 anos. Isso mostra a atratividade do investimento, já que o sistema fotovoltaico tem uma vida útil de pelo menos 25 anos.

O imóvel residencial também recebe uma valorização significativa no mercado. Pesquisas do setor imobiliário apontam para uma valorização que pode chegar a 8% – percentual que varia de acordo com o tamanho do sistema. A elevação patrimonial, em alguns casos, pode equivaler ao investimento realizado no sistema – ou até superá-lo. 

Ambientalmente, a contribuição é relevante. Também no período de um ano, a casa vai deixar de emitir cerca de 3.100 kg de CO2. A redução da pegada ecológica é uma das contribuições mais importantes da geração de energia limpa, ação que impactará na qualidade de vida das próximas gerações.

Elysia é sinônimo de excelência

Com cinco anos de atuação na região sul do Brasil, com instalações no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, a Elysia é referência em energia solar. A empresa possui mais de 400 projetos finalizados no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Com os sistemas da Elysia, os consumidores já economizaram mais de R$ 7 milhões na conta de luz. Na Grande Porto Alegre, a equipe já finalizou centenas de sistemas fotovoltaicos comerciais e residenciais.

Além disso, antes da aquisição do sistema, a equipe atua para tirar todas as dúvidas sobre a tecnologia. A empresa, inclusive, é uma das maiores produtoras de conteúdo sobre energia solar do Rio Grande do Sul. Esse é um dos propósitos da Elysia, desde a sua fundação: ser mais do que uma empresa de soluções ambientais e atuar como uma difusora da sustentabilidade das mais diversas formas.



ISSO PODE SER INTERESSANTE TAMBÉM:

Energia solar em mercado - Elysia energia fotovoltaica RS

,

Conheça 4 supermercados gaúchos que mudaram de patamar com geração de energia solar

Continue lendo

, ,

Conheça as vantagens econômicas e ambientais de sistema fotovoltaico residencial em Viamão

Continue lendo

,

Projetos energia solar comercial em Gravataí: conheça cinco empresas que são exemplos de sustentabilidade

Continue lendo
Sistema fotovoltaico em Esteio - Elysia energia solar residencial

,

Sistema fotovoltaico em Esteio: casa vai gerar a própria energia por pelo menos 25 anos

Continue lendo