Esporte: GP do Bahrein de Fórmula 1 terá energia solar a partir de 2022

Publicado em de de

Novidade vai ao encontro da própria meta da Fórmula 1, que é ser neutra em carbono até 2030

Desde 2014, o Grande Prêmio do Bahrein vem sendo realizado à noite, quando as temperaturas são mais confortáveis para o público. Para dar conta da iluminação, holofotes foram instalados para que a corrida no deserto pudesse ser realizada.

A partir deste ano, porém, há uma novidade: os organizadores do GP anunciaram que a eletricidade para todo o evento, a partir de 2022, passará a vir de uma fazenda de energia solar, instalada no local em que ocorre o circuito. A construção deve começar neste verão – e a fazenda deve fornecer energia mais do que suficiente para a corrida do próximo ano.

A novidade vai ao encontro da própria meta da Fórmula 1, que é ser neutra em carbono até 2030. A iniciativa, segundo os organizadores, incentivará outros eventos de grande escala a fazerem a transição para a energia sustentável, e vai inspirar os fãs de esportes a abraçar essa mudança.

A corrida no Bahrein é uma das quatro etapas do calendário que acontece sob holofotes. Singapura foi o primeiro país a realizar uma corrida noturna de F1 em 2008, e foi acompanhado por Abu Dhabi no ano seguinte. O novo Grande Prêmio da Arábia Saudita, no Jeddah Street Circuit, também será realizado sob iluminação artificial.



ISSO PODE SER INTERESSANTE TAMBÉM:

Energias renováveis

Energias renováveis representarão 37% da geração elétrica global até 2026, afirma AIE

Continue lendo
importação de módulos

Recorde: Trimestre registra o maior volume de importação de módulos FV na história do Brasil

Continue lendo
tarifas de energia elétrica

Medida provisória de redução das tarifas de energia assinada pelo presidente

Continue lendo
ranking global energia solar

Brasil avança para a 6ª posição no ranking global de energia solar

Continue lendo