Energia solar em residencial geriátrico: redução expressiva na conta de luz

Residencial Três Figueiras, em Gravataí, recebe 72 painéis solares, que produzem 100% da energia consumida pelos moradores do local

O Residencial Geriátrico Três Figueiras, em Gravataí, inaugurou recentemente o seu sistema de energia solar fotovoltaica. Composto por 72 painéis solares, o sistema fotovoltaico tem capacidade de gerar energia elétrica – de forma limpa – que atende a 100% da demanda do local. Com isso, o residencial geriátrico, que fica no bairro Loteamento Rural Palermo, atingiu sua independência energética.

Como funciona a energia solar?

Com a geração de energia solar, a previsão da equipe técnica da Elysia é de que ocorra uma redução média de 95% na conta de luz do imóvel. A estimativa é de que, somente no primeiro ano de funcionamento, o sistema propicie uma economia de R$ 31 mil. Em 30 anos, período de vida útil do sistema, o local poderá somar uma economia de aproximadamente R$ 10 milhões.

Faça um orçamento gratuito  

De acordo com a diretora do residencial, Rubia Santos Lima, os efeitos da geração de energia limpa já foram sentidos nos primeiros dias. Os proprietários do residencial acompanham o desempenho do sistema por meio de um aplicativo, no celular, e estão aprovando o funcionamento da tecnologia. Estamos muito satisfeitos com o resultado. ¨É um alívio receber a conta de luz com um valor tão reduzido¨, conta. De acordo com Rubia, o objetivo da aquisição do sistema foi a redução da conta de energia elétrica. 

Energia solar em residencial geriátrico: impacto ambiental também é significativo 

O local também começa a deixar seu legado ambiental para o planeta. Em apenas um ano, o residencial geriátrico vai deixar de emitir 18.000 kg de CO2 na atmosfera. Com isso, entrega uma contribuição ambiental importante para as próximas gerações – e inspira outros estabelecimentos e aderirem à energia renovável.

Baixe o e-book inédito sobre energia solar  

Além das vantagens ambientais e os impactos econômicos diretos, o imóvel também recebe uma valorização significativa. Pesquisas do mercado imobiliária que a valorização pode chegar, dependendo do número e do tamanho de estruturas sustentáveis, a cerca de de 8%. A autossuficiência energética torna o imóvel ainda mais atraente, uma vez que o custo com energia elétrica e restringe, basicamente, a tarifa mínima.

Todas as etapas de projeto e instalação são de responsabilidade da Elysia, que entrega uma solução completa de energia solar. O processo passa pela visita técnica, de análise do local, até a homologação do sistema junto à concessionária de energia da região. Sempre ao lado consumidor, mantendo-o informado, a Elysia realiza todas as etapas de forma transparente e com alto padrão de excelência.



ISSO PODE SER INTERESSANTE TAMBÉM:

Sistema fotovoltaico residencial em Gravataí - Elysia energia solar Rio Grande do Sul

,

Em mais um projeto de excelência, Elysia finaliza sistema fotovoltaico residencial em Gravataí

Continue lendo
Energia solar em Sapiranga - Elysia sistema fotovoltaico Rio Grande do Sul

, ,

Energia solar em Sapiranga: moradores adotam fonte renovável e passam a gerar a própria energia

Continue lendo
Energia solar em metalúrgica - Elysia sistema fotovoltaico Rio Grande do Sul

,

Energia solar em metalúrgica: empresa de Porto Alegre deve economizar R$ 1 milhão em dez anos

Continue lendo

, ,

Com energia solar, residência de Cachoeirinha vai deixar de emitir mais de uma tonelada de CO2 em um ano

Continue lendo