Com energia solar, residência de Cachoeirinha vai deixar de emitir mais de uma tonelada de CO2 em um ano

Publicado em de de

Imóvel residencial no bairro Vila Parque Brasília recebe sistema fotovoltaico e terá conta de energia elétrica reduzida pela metade 

Em Cachoeirinha, o telhado de uma residência está chamando a atenção. Por cima das telhas, foram instaladas 6 placas solares, projetadas tecnicamente pela equipe de engenharia da Elysia. Os módulos solares, conectados ao inversor, dão vida ao sistema fotovoltaico de energia solar, que tornou o imóvel gerador da própria energia. Com a captação da luminosidade do sol, os equipamentos são responsáveis pela geração da metade da demanda dos moradores.

Mas a vantagem econômica é apenas um componente do leque de benefícios da energia solar. O impacto ambiental é, via de regra, um fator que pesa na tomada de decisão do consumidor. E neste caso não foi diferente. Em apenas um ano, os moradores deixarão de emitir 1.500 kg de CO2 na atmosfera. A redução da pegada ecológica eleva o grau de sustentabilidade do imóvel, além de torná-lo um exemplo para a cidade.

A aquisição de um sistema fotovoltaico residencial é um marco para os moradores. Habitar um local que, de forma direta, contribuiu para a preservação ambiental é motivo de satisfação pelo bem coletivo trazido pela ação sustentável. Além da colaboração ambiental, o imóvel fica ainda mais valorizado – pesquisas de mercado estimam uma valorização de cerca de 8%, ainda que o percentual possa variar de acordo com diversos fatores, como o tamanho do sistema.

Moradores protegidos de reajustes na conta de luz

No primeiro ano de funcionamento do sistema fotovoltaico, a previsão é de os moradores economizem aproximadamente R$ 2,5 mil na conta de energia elétrica. O valor representa uma fatia de 50% do gasto com energia elétrica. Nos próximos anos, a estimativa é de a economia seja ainda maior. Fatores como o aumento das tarifas na conta de energia elétrica – o que chamamos de inflação energética – irão elevar o valor da economia, além de diminuir o tempo de retorno do investimento.

A residência recebeu um serviço composto por uma solução completa de energia solar. Além do projeto de engenharia, reconhecido pela excelência técnica a empresa toma a frente da instalação (realizada por uma equipe de instaladores treinados e que atuam amparados por todas as normas regulamentadoras) e da homologação do sistema, etapa burocrática de liberação do sistema junto à concessionária. Por fim, após a entrada em funcionamento do sistema, entra em campo a fase de monitoramento dos equipamentos, etapa feita em que a parceria da Elysia com o consumidor é ainda mais fortalecida.

Como de praxe, os moradores podem acompanhar o funcionamento do sistema fotovoltaico em tempo real, por meio de um aplicativo instalado no celular ou no computador. No app, estão reunidas informações fundamentais para o monitoramento da eficiência dos componentes. O acompanhamento sistemático das informações do aplicativo é a melhor forma de fazer a avaliação da geração de energia – é o radar do sistema fotovoltaico.



ISSO PODE SER INTERESSANTE TAMBÉM:

Energia solar residencial em Cachoeirinha - Elysia sistema fotovoltaico Rio Grande do Sul

,

Energia solar residencial em Cachoeirinha: casa tem 100% da demanda energética atendida pelo sol

Continue lendo
Solução completa de energia solar - Elysia sistema fotovoltaico Rio Grande do Sul

,

Solução completa de energia solar: casa do bairro Chácara das Pedras já acumula créditos nos primeiros meses de geração

Continue lendo

, ,

Energia solar comercial em Alvorada: empresa vai economizar mais de R$ 50 mil em um ano

Continue lendo
Energia solar para empresas - Elysia sistema fotovoltaico comercial Porto Alegre

, ,

Energia solar para empresas: Tecnifreios fica protegida de inflação energética

Continue lendo